Hábitos para aumentar a elasticidade da pele e reduzir a flacidez

Todo mundo sonha com uma pele linda, firme e com vitalidade. Mas para que isso seja alcançado é importante adotar hábitos alimentares saudáveis, pois tudo o que ingerimos reflete no funcionamento do nosso organismo e na nossa aparência.

Quanto mais saudáveis são os alimentos consumidos, melhor é a saúde e o aspecto da pele. Conheça agora alguns hábitos para aumentar a elasticidade da pele e reduzir a flacidez!

Consuma alimentos para aumentar a elasticidade da pele

Segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), é importante que sejam ingeridos legumes, hortaliças e frutas, alimentos que são fontes de vitaminas, minerais e que são capazes de neutralizar os radicais livre e, com isso, previnem o envelhecimento precoce. Alguns desses alimentos são:

1. Frutas Vermelhas

As frutas vermelhas são alimentos ricos em substâncias antioxidantes e são uma boa alternativa para melhorar a saúde da pele. Eles que atuam sobre os radicais livres liberados durante o metabolismo do próprio organismo. O processo oxidativo provocado pelos radicais livres é natural e necessário para que certas reações normais do nosso organismo ocorram, mas pode também danificar a membrana das células e a estrutura da pele.

Os antioxidantes são substâncias que combatem essa oxidação – daí a palavra antioxidante. Quando incorporamos à dieta alimentos ou suplementos que contenham antioxidantes, protegemos as células contra danos e evitamos o envelhecimento precoce.

As frutas vermelhas possuem algo em comum: alto teor de substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias que trazem como benefício a longo prazo, uma pele mais firme e saudável. Algumas dessas frutas são:

2. Gorduras boas

Os ácidos graxos essenciais são gorduras que o organismo não é capaz de produzir e devem, portanto, ser ingeridas por meio da alimentação e da suplementação. São essenciais para todo o organismo, inclusive para a pele.

Se pensarmos que uma membrana celular é conhecida por sua composição lipoproteica, ou seja, por lipídios (gorduras) e proteínas, podemos entender a sua importância. Sem essas gorduras, a membrana enrijece, quando estão presentes, a membrana fica flexível e com aspecto de hidratação. Dessa forma, os ácidos graxos atuam na manutenção da elasticidade da pele e combatem o envelhecimento precoce.

O Ômega 3 é um ácido graxo poli-insaturado essencial e sua obtenção somente é possível por meio da alimentação e de suplementos. Existem 3 ácidos que formam o Ômega 3: ALA (ácido alfa-linolênico), EPA (ácido eicosapentaenoico) e DHA (ácido docosahexaenoico). Esse ácido graxo pode ser encontrado principalmente em:

  • Sementes de girassol;
  • Sementes de linhaça;
  • Atum;
  • Salmão;
  • Sardinha;
  • Castanhas;
  • Nozes.

O Ômega 3 pode ser consumido por crianças, gestantes e adultos de todas as idades. Vale a pena consultar um médico, nutricionista ou farmacêutico para te ajudar a realizar sua suplementação de forma correta. Preparamos um post sobre Ômega 3: como escolher e benefícios para a saúde, caso você deseje saber mais sobre esse suplemento incrível.

3. Chá Verde

Além do efeito termogênico muito aclamado, o Chá Verde contém catequinas e polifenóis, substâncias que possuem ação antioxidante e fotoprotetora. Bebidas à base do chá verde também apresentam propriedades anti-inflamatórias e protetoras da membrana celular, combatendo a sensação de pele seca e alergias.

O Chá Verde ainda pode reduzir os efeitos causados na pele por exposição aos raios solares e, por estes motivos, é extremamente indicado para melhorar o aspecto da pele. Além disso, o chá verde possui diversos outros benefícios, como o aumento da concentração e da memória, emagrecimento, manutenção da saúde do coração e melhora do humor.

4. Cereais integrais

Os cereais integrais contêm Vitaminas do Complexo B e minerais importantes para a regeneração celular da pele. Por exemplo, a Vitamina B2 é uma aliada na manutenção e reparação da pele, enquanto a Vitamina B6 regula o equilíbrio de potássio e de sódio do corpo, evitando inchaços. Já a Vitamina B1 auxilia na circulação sanguínea, contribuindo para o aspecto saudável da pele.

Você pode incluir esses alimentos na salada, no iogurte, nos sucos ou como preferir.São exemplos de cereais integrais:

  • Farinhas integrais;
  • Aveia;
  • Granola;
  • Arroz integral.

5. Proteínas

De nada adianta consumir uma variedade de vitaminas e minerais se não há aminoácidos para suprir as necessidades dos tecidos epiteliais. Sabendo que nosso organismo não é capaz de produzir alguns aminoácidos, chamados aminoácidos essenciais, é de extrema importância fornecê-los ao corpo por meio de uma boa alimentação. Algumas fontes são:

  • Iogurte natural;
  • Queijo;
  • Carnes magras;
  • Peixes;
  • Frango;
  • Ovo.

O colágeno é uma proteína que compõe a estrutura da nossa pele. Com o passar do tempo, envelhecemos e a quantidade dessa proteína reduz em nosso corpo. O Colágeno Hidrolisado é composto por peptídeos de fácil absorção que diminuem o aspecto da flacidez já existente e previne que ela piore.

6. Alimentos vermelhos, amarelos e alaranjados

Em alimentos que apresentam esses espectros de cores, encontra-se Betacaroteno, Vitamina A, Licopeno, Zeaxantina e Luteína. Eles são poderosos antioxidantes, protegem contra os raios UVB do sol, além de favorecer a maciez da pele. Alguns alimentos ricos nesses nutrientes são:

  • Cenoura;
  • Tomate;
  • Mamão;
  • Manga;
  • Pimentão vermelho;
  • Beterraba;
  • Pêssego.

Se você ainda não tem o hábito de consumir esses alimentos, para facilitar seu consumo, inclua os vegetais na salada se opte pelas frutas na hora do lanche.

Evite carboidratos refinados e processados

Carboidratos refinados, também conhecidos como brancos ou simples, são aqueles que passam por um processamento onde perdem grande parte de suas fibras, vitaminas e minerais, fazendo com que seja digerido de forma mais rápida, aumentando os níveis de açúcar no sangue.

Evitar não quer dizer retirar totalmente da dieta, mas é aconselhada a inversão da ordem de prioridade na escolha dos alimentos, de forma que, os antioxidantes e proteicos sempre virão primeiro, e os refinados apenas eventualmente.

O excesso de glicose circulante prejudica as membranas das células da pele, causando muitas vezes a apoptose (morte celular) e, consequentemente, a redução da elasticidade da pele.

Pratique musculação para reduzir a flacidez

A flacidez é um incômodo que atormenta muitas pessoas. Quem nunca sofreu ao ver o braço balançando quando acenou para alguém? Além dos braços, ela também pode ser visível nas coxas, glúteos, abdômen, barriga e pescoço. Dentre as causas da flacidez, podemos destacar o sedentarismo, emagrecimento rápido e o envelhecimento.

A prática da musculação pode ser um aliado na redução da flacidez. Ela tonifica os músculos, deixando a pele com um aspecto firme. Mas atenção, se você não costuma praticar exercícios com certa frequência, procure a ajuda de um profissional qualificado para te orientar e determinar qual atividade física é ideal para você.

Beba bastante água

A hidratação é essencial para o funcionamento correto do organismo. A água facilita o transporte de nutrientes para dentro da célula e a remoção de toxinas . Um corpo mal hidratado pode resultar em:

  • Pele seca;
  • Cabelos enfraquecidos;
  • Inchaço;
  • Hipertensão;
  • Má digestão;
  • Cálculos renais.

Portanto, crie o hábito de beber pelo menos 2 litros água ao longo do dia com uma boa frequência.

Aliados para aumentar a elasticidade da pele e reduzir a flacidez

Silício

Um dos minerais mais utilizados para aumentar a elasticidade da pele é o Silício. Esse mineral possui papel fundamental na produção de colágeno, elastina e queratina, que são conhecidas como proteínas da beleza. Ele contribui para cabelos e unhas mais fortes, pele mais jovem, firme e com menos rugas. Esse mineral pode ser encontrado em:

  • Cereais;
  • Oleaginosa;
  • Banana;
  • Maçã;
  • Abóbora.

Ácido Hialurônico

Aposte em hidratantes com Ácido Hialurônico. Essa substância é responsável por hidratar e manter a elasticidade da pele. Assim como o Colágeno, com o passar dos anos, a sua produção diminui levando ao aparecimento de rugas e linhas de expressão.

Para um tratamento completo, além do creme de uso tópico, você também pode encontrar o Ácido Hialurônico em cápsulas. A reposição desse ácido perdido com o tempo, diminui os sinais de envelhecimento da pele.

Vitamina C

Se você faz uso de colágeno, saiba que é fundamental utilizá-lo em conjunto com a Vitamina C. Nosso corpo produz radicais livres que acabam prejudicando a absorção e a ação do colágeno. Por isso é importante consumi-lo juntamente com substâncias antioxidantes, como a Vitamina C.

Você também pode utilizá-la na forma de creme. Mas atenção! É muito importante que a Vitamina C esteja na forma nano encapsulada ou revestida, que garante estabilidade e absorção superior. Seu uso previne os danos causados pela radiação solar, possuir ação clareadora, além de estimular a síntese de colágeno, o que melhora a firmeza da pele e reduz rugas.

Os melhores alimentos para a pele também contribuem para a saúde geral. Portanto, concentre-se em uma dieta balanceada que pode ser benéfica tanto para a pele quanto para todo o corpo. O organismo inteiro trabalha em conjunto, ou seja, se algum órgão não está trabalhando eficientemente, podem existir muitas toxinas no corpo que certamente afetarão a sua pele. Busque o equilíbrio e lembre-se de manter uma boa alimentação e hidratação constante!

Neste post listamos alguns hábitos para aumentar a elasticidade da pele e reduzir a flacidez. Gostou? Então compartilhe com os amigos!

Você anda satisfeito com sua pele? O que tem feito para melhorar? Conte pra gente nos comentários abaixo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: