Você sente seu corpo fraco e sensível às doenças do cotidiano, como gripe, dores de garganta e demais infecções? Talvez, seja o momento de fortalecer o seu sistema imunológico e melhorar sua imunidade. Mas, como? Primeiro vamos entender como o sistema imunológico funciona. Ele é o sistema de defesa natural do nosso corpo. É uma rede de células, tecidos e órgãos que se unem para defender o corpo contra invasores, que podem incluir bactérias, vírus, parasitas e até mesmo um fungo.

Os tais invasores estão em toda parte – em nossas casas, escritórios, e quintais. Um sistema imunológico saudável nos protege criando uma barreira, que impede esses invasores de entrar no corpo. E se algum desses antígenos escaparem da barreira e conseguirem penetrar o nosso corpo? Então, o sistema imunológico produz células e proteínas que atacam e destroem as sustâncias intrusas, conhecidas como antígenos. Estas células tentam encontrar o antígeno e se livrar dele, antes que este se reproduza. Se o ataque falhar, o sistema imunológico acelera ainda mais para destruir os invasores, tentando acompanhar sua multiplicação.

Durante o inverno, adotar alguns hábitos de vida saudável pode ajudar a melhorar a sua imunidade. Conheça agora as melhores práticas para isso!

1. Tenha uma boa noite de sono e administre seu estresse

A privação do sono e o excesso de estresse aumentam os níveis do cortisol, um hormônio tóxico que suprime as funções imunológicas. Dormir menos que o necessário também compromete a produção de células que compõem o sistema imune. Isso resulta no enfraquecimento do organismo para combater bactérias e vírus nocivos, o que favorece o desenvolvimento de doenças.

2. Consuma probióticos

Probióticos são bactérias (Bifidobacterium e Lactobacillus) que produzem efeitos benéficos na flora intestinal. Eles contribuem para a redução de processos inflamatórios, além de regular a permeabilidade intestinal. Estudos demonstraram que a suplementação com probióticos estimula a produção de anticorpos.

Vários fatores podem provocar o desequilíbrio da flora bacteriana intestinal como o uso de antibióticos, estresse, infecções intestinais, alterações na dieta e envelhecimento. Se você se enquadra em alguma destas situações, a suplementação com probióticos é fundamental.

O Lactobacillus BS Pharma é um mix de probióticos que possui 5 espécies benéficas para nosso organismo. Para contribuir com sua flora intestinal, basta ingerir uma capsula ao dia.

3. Abrace o Sol

Os raios solares ativam a produção de vitamina D em nosso organismo.  No verão, uma exposição de 10 a 15 minutos ao sol da manhã já é o suficiente para estimular a produção de vitamina D que necessitamos. Entretanto, no inverno, a incidência de raios solares é menor e, devido ao frio, procuramos ficar em ambientes fechados. Estes fatores contribuem para a menor produção de vitamina D.

A deficiência de vitamina D compromete o bom funcionamento do nosso sistema imunológico, sendo assim, você ficará mais suscetível a gripes, resfriados e demais infecções. Neste caso, a suplementação com vitamina D se faz necessária. Atualmente, existe a opção de vitamina D em cápsulas e em gotas, assim você pode escolher a que mais te agrada.

4 – Soro fisiológico

O clima seco, característico do inverno, provoca o ressecamento dos nossos olhos e das nossas vias aéreas, o que facilita e proliferação de microrganismos nocivos nestas regiões.

O soro fisiológico, facilmente encontrado em farmácias, é uma solução muito útil para umedecer as narinas e os olhos, evitando irritações. Mas atenção! Caso note alguma alteração nos olhos como coceira e vermelhidão, procure um médico, pois pode ser conjuntivite e merece um cuidado especial.

5 – Beba água

Para o organismo estar preparado para combater as doenças de inverno ele deve estar funcionando bem. Isso dependerá de uma boa hidratação. Por isso, beba bastante água, mesmo nos dias mais frios!

6 – Lave as mãos

Com o vírus e bactérias circulando em todo o canto, manter as mãos limpas ajuda a evitar que a transmissão de doenças aconteça. Nunca coloque as mãos sujas nos olhos, na boca ou no nariz. Lave as mãos frequentemente usando sabonetes com hidratante ou glicerinados, para não agredir a pele e aplique álcool em gel em seguida. Pronto! Com suas mãos limpas, a chance de se contaminar com alguma doença é menor.

6 – Utilize fitoterápicos

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), fitoterápicos são medicamentos obtidos a partir de plantas medicinais. Eles são obtidos empregando-se exclusivamente derivados de droga vegetal (extrato, tintura, óleo, cera, exsudato, suco, e outros).

A Equinácea (Echinacea purpúrea) é uma planta que apresenta compostos fenólicos que aumentam a atividade e número de células imunes. Age como um imunoestimulante do organismo, reduzindo o risco de aparecimento de infecções recorrentes, como gripes e resfriados. Estudos demonstraram que a Equinácea possui atividade antifúngica, antibacteriana, antiviral, antioxidante, anti-inflamatória, antigripal e anticancerígena.

7. Aposte em alimentos que contribuem para a imunidade

– Alho

O alho contém alicina, vitaminas e minerais, que são elementos vitais para a função imune. Possui propriedades antibacterianas, antifúngica e antiviral. Basta adicionar dentes esmagados em massas, molhos, saladas e qualquer outra comida que desejar.

Caso deseje uma proteção ainda maior, você também pode utilizar o Óleo de Alho Puris, que fortalece o sistema imunológico. Auxilia no tratamento de gripes e resfriados, além de prevenir a aterosclerose e hipertensão. Contém alicina, um composto sulfurado que exerce influência positiva sobre o sistema cardiovascular e imunológico.

– Gengibre

O gengibre é uma raiz que pode ser utilizada em chás ou em raspas que podem ser adicionadas a água, sucos, iogurtes ou saladas. Consumir gengibre aquece o corpo e ajuda a eliminar toxinas, especialmente nos pulmões.

O gengibre tem ação antioxidante, agindo na prevenção de doenças como gripes, resfriados. O xarope de gengibre é uma caseira para aliviar a tosse, coriza e mal estar que estas doenças provocam.

– Cogumelos

Os cogumelos como como Shitake, Shimeji e Paris são considerados iguarias muito utilizadas na culinária. Eles estimulam nosso sistema imune e contribuem para a prevenção de diversas doenças.

O Cogumelo Puris é composto pelo Agaricus blazei, conhecido como o cogumelo do sol. É rico em vitaminas e minerais que estimulam a produção de células de defesa do nosso organismo a atacar bactérias e vírus nocivos ao nosso corpo.

Seguindo essas recomendações, seu sistema imunológico vai reagir e proteger seu corpo com mais eficácia. Mas antes de fortalecer sua imunidade, alguns cuidados com o ambiente que você circula são fundamentais para não dar chance ao azar.

8. Lembre-se da Vitamina C

A vitamina C é um dos melhores nutrientes para bombar a imunidade e também para o tratamento e prevenção de algumas doenças e patologias crônicas. Como um poderoso antioxidante, protege as células de danos provocados por radicais livres, tem propriedades antivirais, antibacterianas e antialérgicas. Coma mais frutas cítricas, salsa, bagas, frutas vermelhas e kiwis. Nós também temos nossa Vitamina C + Minerais, bem completo para melhorar a imunidade.

Gostou das dicas? Agora é só colocar em prática e deixar o seu sistema imunológico trabalhando a favor da sua saúde! Quer compartilhar a sua experiência conosco? Entre em contato ou deixe o seu comentário aqui!

BS_CTA_rodape_eBook12_imunidade

Categorias: Imunidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *