A saúde das articulações deve ser uma preocupação desde quando se é jovem. Com o tempo, o desgaste ocorre e acaba ficando mais evidente durante a velhice. Dependendo como o caso for tratado a pessoa pode começar a ter dificuldade para sentar, levantar, andar e até mastigar. É importante lembrar que há articulações no corpo todo como: joelhos, tornozelos, mãos, pés, coluna, ombros, punhos, quadril, cotovelo e mandíbula.

Uma das substâncias essenciais para manter a articulação funcionando bem é o colágeno. Trata-se de uma proteína que forma a cartilagem articular e é essa cartilagem que reveste a extremidade de dois ossos justapostos fazendo com que seja possível o movimento. Sem ela um osso se chocaria com o outro e a movimentação não seria possível.

Importância da cartilagem articular e a ação do colágeno

Para entender melhor sobre a cartilagem articular que depende do colágeno para existir, pense na extremidade do osso como se ela tivesse uma capa protetora feita de silicone ao seu redor. É essa a função da cartilagem, fazer a proteção do osso. O colágeno atua como uma malha de sustentação da cartilagem, mantendo o que está dentro dela fixo.

– Nossa cartilagem articular é composta por 70% de água e o restante por células chamadas condrócitos, condroblastos e fibroblastos. Os fibroblastos sintetizam as proteínas de colágeno e elastina, formando arcos de sustentação que funcionam como molas e ajudam na absorção de impactos diretos sobre a cartilagem – explica Nádia Lucila Rocha Brito, nutricionista clínica e esportiva do Instituto de Ortopedia e Traumatologia do hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP em entrevista dada a UOL.

O colágeno dá resistência à pele, aos músculos, tendões, meniscos, ligamentos, veias, vasos e artérias. Ele promove elasticidade dos tecidos e realiza a distribuição de fluídos em vasos sanguíneos, ou seja, o colágeno faz parte de importantes funções do corpo e precisa estar e em equilíbrio para poder atuar.

Como oferecer colágeno para o organismo

O corpo produz o colágeno, mas, a partir de 30 anos de idade, o organismo começa a perder 1% da proteína por ano. Para repor é necessário ingerir fontes de colágeno como: soja, feijão, lentilha, carnes vermelhas, grão de bico, frango, peixes e ovos. As carnes são fontes diretas de colágeno enquanto os vegetais são fontes de proteínas que contribuem para a formação dessa sustância. Deve-se consumir 0,8 gramas por quilo de peso de proteína por dia.

Após os 50 anos é necessário ter ainda mais cuidado, pois o corpo produz apenas 35% do colágeno necessário para os órgãos. No caso das mulheres, estima-se que com a menopausa haja uma perda média anual de 2%.

Por isso, desde cedo é importante se preocupar com uma alimentação equilibrada e praticar exercícios regularmente.

Você se preocupa com isso? Alimenta-se bem e cuida das suas articulações? Estamos ansiosos para saber mais. Deixe um comentário contando sobre sua saúde! 

colagenos


2 comentários

O que é o colágeno não hidrolisado? - BS Pharma · 12 de julho de 2017 às 11:01

[…] na melhora dos sintomas de males, como artrite, e melhora articulações e cartilagens do […]

Colágeno emagrece? Saiba como essa proteína pode te ajudar! - BS Pharma · 18 de outubro de 2017 às 15:09

[…] acontece porque o colágeno é responsável por compor várias estruturas do nosso corpo, e apesar de ser produzido […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *